COMUNIDADE TERAPÊUTICA
CASA DA BARRAGEM

A Casa da Barragem é uma unidade de internamento,  dirigida a ambos os sexos, com 46 camas licenciadas (37 das quais convencionadas com o Ministério da Saúde) que intervém ao nível do tratamento dos comportamentos aditivos, nomeadamente da dependência de substâncias psicoativas.

O processo terapêutico tem por base os modelos cognitivo-comportamental, sistémico e humanista, constituído por 3 fases, assente no pressuposto da responsabilização progressiva de cada Cliente pela sua recuperação e integração no grupo. Há uma estrutura hierárquica onde cada membro do grupo desempenha um papel na dinâmica comunitária, num processo de interajuda e desenvolvimento pessoal.

Cada cliente integra o programa mais indicado para si entre os seguintes:

  • Programa geral: programa terapêutico com a duração mínima de 9 meses, podendo estender-se até 18  meses, culminando num processo de reinserção social, familiar e profissional;

  • Programa específico para dependentes de álcool: programa terapêutico com duração mínima de 6 meses, passível de ser prolongado até 12 meses. O programa incide na prevenção da recaída através de uma estratégia que permite consolidar a abstinência e integra grupo psico-educacional (Fénix);

  • Programa específico dirigido a dependentes de substâncias psicoativas portadores de doença mental grave concomitante: programa terapêutico com duração de 9 a 18 meses, dirigido a situações em que existe em simultâneo um diagnóstico de perturbação da saúde mental e um comportamento aditivo e integra grupo psico-educacional (Logos);

  • Programa terapêutico para adolescentes: programa terapêutico com duração mínima de 9 até 18 meses, específico para adolescentes, de ambos os sexos, com idades  superiores a 16 anos, que apresentem comportamentos disruptivos evidentes, impeditivos do seu livre desenvolvimento, com consumo associado de substâncias psicoativas;

  • Programa terapêutico para grávidas programa terapêutico com duração mínima de 9 até 18 meses, específico para mulheres grávidas que poderão continuar o tratamento acompanhadas de filho menor.  As clientes admitidas na Comunidade Terapêutica, equipada de forma específica para se ajustar a esta situação,  são acompanhadas pelo seu médico assistente na consulta de obstetrícia e em articulação com as entidades apropriadas é garantida a realização de todos os  exames associados ao pré e pós parto. Os menores são integrados na rede de creches/infantários da Santa Casa de Misericórdia de Cascais ou outros serviços;

  • Programa específico de longa duração: programa terapêutico de duração alargada (até 48 meses) dirigido a clientes cuja a ausência de rede social de suporte ou o insucesso noutros programas de intervenção possam ditar uma trajetória de exclusão social e dificuldades de inserção sócio profissional.


A progressão no tratamento e a permanência em cada uma das fases de cada programa constituem uma decisão conjunta do cliente e da equipa técnica, tendo em conta a maximização dos objetivos terapêuticos acordados e o Plano Individual de Recuperação (PIR).

O trabalho psicoterapêutico conduzirá à alta clínica, atingidos os objetivos propostos aos níveis pessoal, familiar e profissional.

ADMISSÃO CASA DA BARRAGEM